#Finanças

Primeiros passos para abrir um negócio próprio

Abrir um negócio tem sido a solução para muitas famílias brasileiras no atual cenário de dificuldade de recolocação profissional. O objetivo de uma nova empresa é proporcionar uma rentabilidade superior ao que se pode conseguir com investimentos conservadores. Porém, essa boa margem de lucro só é possível se algumas orientações forem seguidas. Os primeiros passos para abrir um negócio fazem toda a diferença para o sucesso vir rapidamente.

Neste artigo, apresento os três primeiros passos para abrir um negócio próprio. São dicas que não podem ser desprezadas por quem deseja se tornar um empreendedor.

Avalie os riscos dos primeiros passos para abrir um negócio

Qualquer negócio envolve riscos. Essa é uma premissa que todo empreendedor deve conhecer para não se frustrar quando a primeira turbulência se aproximar. O êxito de um negócio começa com uma criteriosa avaliação de riscos.

O nicho escolhido é afetado por sazonalidades? A matéria-prima necessária é acessível? A concorrência está muito acirrada nesse segmento? Responder a perguntas como essas ajuda um negócio a criar bases sólidas.

Tomemos como exemplo uma pizzaria. Em São Paulo, há milhares de pizzarias, por isso existe um risco básico de sucumbir diante de um mercado saturado. Com isso em mente, o empreendedor pode pensar em alternativas para se diferenciar da concorrência.

Conheça a fundo o segmento escolhido

A avaliação dos riscos é uma forma de conhecer o segmento com mais detalhes. Porém, isso não basta para empreender com boas chances de sucesso. É preciso estudar a concorrência e se debruçar em livros para se tornar expert na área escolhida.

Vale a pena ficarmos no exemplo da pizzaria. Conhecer a fundo o segmento não é simplesmente compreender que se trata de um mercado saturado. A pessoa que decide abrir uma pizzaria deve estudar ingredientes, variações locais e se especializar na história da pizza. Fazer essa lição de casa ajuda empreendedores a encontrarem maneiras de pensar “fora da caixa”.

Tenha um planejamento sempre atualizado

Quem acompanha meu trabalho sabe como defendo a importância de um bom planejamento. Naturalmente, essa orientação é também um dos primeiros passos para abrir um negócio. O que muitos não sabem é que o planejamento não pode ser estático. Com o passar do tempo, o empreendedor deve fazer revisões pontuais com base em oportunidades de mercado. Se o planejamento não for atualizado de forma contínua, há chance de estagnação.

Uma boa ideia é fazer um acompanhamento mensal dos resultados e se atentar para possíveis oscilações. Quando alguma variável estiver muito discrepante ou quando os números patinarem, pode ser uma boa oportunidade de afinar o planejamento

Empreender é uma grande oportunidade!

Optar por abrir um negócio próprio pode representar uma grande virada na vida de qualquer pessoa. Para o sucesso não tardar, recomendo que você siga esses primeiros passos para abrir um negócio. Além disso, aprofunde-se nesse tema com fazendo cursos e lendo livros, afinal, conhecimento nunca é demais!

Postado em 16/05/2018
Compartilhe