Não deixe o dinheiro acabar com seu casamento

Não deixe o dinheiro acabar com seu casamento
26 de janeiro de 2017

4 comments

4 thoughts on “Não deixe o dinheiro acabar com seu casamento”

  1. Tenho muito a aprender com relação a este tema, o mundo moderno realmente faz cada um fazer o que bem entende com seu dinheiro, e numa relação não deve ser bem assim.

  2. O tema abordado retrata sobre algo que estou passando minha mulher quer comprar tudo para casa e acaba criando dívidas que não concordo e acabo me passando como chato da relação por querer poupar e dizendo a todo tempo não a ela para coisas que para mim são desnecessárias ou podem ser compradas em outro momento mais “folgado” financeiramente e ouço ela dizer que só penso em dinheiro em investir e poupar enfim estamos caminhando para esse ponto de cada um tomar conta do seu ☹️

  3. Ola Gustavo, tudo bem? Tenho interesse em receber seus conteúdos. Gostei muito o vídeo. Somos, ao investir em um relacionamento “ensinados” a pensar apenas no nós e a individualidade tão importante se perde no dia a dia. Contudo, é notório consideramos a singularidade. Que temos desejos, sonhos particulares e quando perdidos no todo causa a frustração e a infelicidade incorrendo em relacionamentos de aparências. Um grande abraço.

  4. Gustavo, estou assistindo vários dos seu vídeos e também a Master Class. Conteúdos maravilhosos! Vivo um casamento de mais de 20 anos em que em função das más escolhas – financeiras e de vida – fizemos dívidas, uma atrás da outra por todos estes anos, e assim cada um de nós dois não pôde dar continuidade a tudo o que individualmente ou em conjunto nos era prazeroso. Nos amamos muito; é o que nos mantém juntos. Temos visões muito diveras, entre nós, sobre o quanto estamos dispostos a abrir mão para a conquista de uma vida financeira equilibrada e de um futuro seguro. Todas as vezes que me proponho a planejar estratégias de reversão do quadro atual, a resposta é: “eu faço o que você mandar”! Ainda assim não me sinto capaz de enfrentar esta batalha por me sentir solitária nesta empreitada. Como fazer para ele se envolver e trabalhar junto comigo nesta missão? Estamos chegando aos 60 anos, ainda dá tempo de construirmos um futuro financeiro de equilíbrio e segurança?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

©2012-2016 Mais Dinheiro. Todos os direitos reservados.